domingo, 28 de agosto de 2011

ATUALIDADE: Curti logo compartilhei

Por Bruno Oliveira

Poucas pessoas sabem que as palavras têm força. É verdade! Algumas pessoas se calam ao invés de falarem. Poucos ousam escrever algo por medo de serem julgados. E ainda tem aqueles que têm muito que escrever, desenvolve diversos argumentos, mas ninguém os dar a atenção merecida. Pois saiba que escrever, se comunicar, compartilhar uma idéia pode fazer muito bem, não só a você, mas outras pessoas também, até mesmo milhares delas.
Foi pensando na idéia de compartilhar o bem que o instituto Mário Penna criou um movimento para levar mensagens de força aos pacientes com câncer que estão internados. Chamado de #doepalavras, a ferramenta se utiliza das mensagens positivas dos internautas para ajudar seus pacientes na luta contra o câncer.

O termo câncer é utilizado genericamente para representar um conjunto de mais de 100 doenças, incluindo tumores malignos de diferentes localizações. Importante causa de doença e morte no Brasil, desde 2003, as neoplasias malignas constituem-se na segunda causa de morte na população, representando quase 17% dos óbitos de causa conhecida, notificados em 2007 no Sistema de Informações sobre Mortalidade (Fonte INCA)
Como você pode ajudar, complementando o tratamento dessa doença? , é simples e fácil! . Você manda sua mensagem através do site: http://www.doepalavras.com.br/ ou pelo twitter usando a hashtag #doepalavras. Depois de passar por um filtro, sua mensagem será exibida em tv’s dentro do hospital Mário Penna, Hospital Luxemburgo e casa de Apoio Beatriz Ferraz, em locais onde os pacientes mais precisam de força, como nas salas de quimioterapia. As mensagens que forem enviadas farão parte de um livro, que será doado para diversos hospitais.
Ah!,Vale lembrar que não quero entrar, pelo menos neste texto, nas questões burocráticas que dificultam no tratamento do câncer nos hospitais, quero estender o meu braço até onde posso alcançar, ou melhor, estender minhas palavras até os seus olhos,meu caro leitor e dizer que por menor ou mais fraco que você se sinta perante nossas autoridades que não fazem nada ou quase nada pela saúde,você pode doar um pouco de si e ninguém vai te impedir de fazer isso,eu garanto!
Vamos tornar essa idéia capaz de alcançar todos os hospitais, que todo mundo tenha uma palavra, uma frase que acaricie sua alma, amenize a dor e faça o dia valer a pena por cada hora, minuto, segundo vivido. O que você está esperando? Vamos transformar a vida de alguém hoje? , sim você pode!#doepalavras... Doe seu coração, Tem alguém esperando por sua doação, não precisa estar em jejum, ter uma determinada idade, precisa apenas da força de vontade e mais do que isso, precisa ter ação e tornar isso realidade.

Link para doação de palavras
http://www.doepalavras.com.br/

7 comentários:

  1. É isso ai! As palavras se renovam sempre, isso é bíblico, e como já dizia o nobre Chacrinha "Quem não se comunica se trumbica"!

    Eu adoro escrever, um pouco de tudo: Sobre Nutrição, poesia e compor canções! Vamos divulgar essa ideia! Participem!

    ResponderExcluir
  2. Ótimo texto Bruno!
    Já passei por esse problema na minha família, e realmente só foi superado com muita fé e força!
    Comovente!
    Parabéns

    ResponderExcluir
  3. texto sensível na medida, sem sensacionalismo... de fato, um problema que no mínimo deve ser evidenciado como agora o faz, o Bruno... parabéns pela postagem!

    ResponderExcluir
  4. Galera aqui está o link do #doepalavras: http://www.doepalavras.com.br/

    abraços!

    ResponderExcluir
  5. Fiquei tocada!
    Divulgarei e parabéns por um post tão humanitário!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Só digo uma coisa sobre esse post.
    Curti Logo Compartilharei!!!

    Parabéns Bruno pelo texto, se todos agissem assim, teríamos um mundo melhor.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Muito interessante saber sobre esse serviço. Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...