quarta-feira, 5 de outubro de 2011

NEWS: A calcinha da Gisele

Por Júnior Bueno



Você viu, eu vi, a esta altura não é mais novidade o comercial da Hope, empresas de lingerie, onde Gisele Bündchen ensina às mulheres que ao dar más notícias aos homens é melhor estar sumariamente vestida. Primeiro mostra a linda de roupas comuns dizendo coisas como “bati seu carro”, “estourei o cartão de crédito” e depois, trajando calcinha e sutiã da marca repete o mesmo, mas com outro efeito. No final, em off, o slogan: “Brasileira, use seu charme”. Eu achei engraçadinho. Devem acontecer situações parecidas na casa de todo mundo.



É provocante, é divertido, é banal como quase todo comercial.

Mas os órgãos federais de direitos das mulheres, ligados à presidente Dilma não acham isso: depois de algumas reclamações, tentaram tirar a übermodel do ar, alegando que a mensagem “éofensiva às mulheres brasileiras, que não podem mais serem tratadas como merosobjetos”. A Hope foi notificada, o Conar, criticado, e sobrou até pra Gisele que foi chamada pelas feministas de todo tipo de nome. Mas qual é o problema debotar uma moça bonita com uma calcinha bonita fazendo graça com o magnetismo que seu corpo provoca na marmanjada?



É que o mundo anda se levando a sério demais. Mulher de bunda de fora pode vender cerveja, mas calcinha não pode? Ou o problema é Gisele estar aparecer seduzindo seu marido (e o das outras, diga-se) em trajes mínimos? As mulheres fizeram por merecer os lugares que conquistaram,e não conseguiram ainda boa parte do que seria ideal numa sociedade regida pelos direitos iguais. Mas esta patrulha politicamente correta, esse feminismo que não ri, que vê ofensa onde não tem, joga mais contra que a favor. E isso acaba deixando o mundo mais sem graça. Mulheres são mais bem acabadas e interessantes que os homens, mais inteligentes, melhores chefes. Estão virando o jogo, taí a Dilma que não me deixa mentir.

Mas estão ficando muito chatas, pronto,falei, tô leve!

Estão se esquecendo de que tem o direito de serem bonitas; que podem ser fortes e femininas; que podem relaxar e brincar de casinha de vez em quando; que usar um lingerie bonito não arranca pedaço de ninguém. Os homens, esses sim tratados no comercial como bobos que perdem a cabeça por qualquer tantinho de pele a mostra, não estão reclamando. Mulheres, vão por mim, o mundo evoluiu muito, vocês estão mais poderosas. Mas no quarto não mudou nada, o poder sempre foi de vocês. Usem seu charme, simples assim.






Recentemente, uma revista americana publicou uma lista com as mulheres mais poderosas do planeta. Apenas duas brasileiras entraram na lista. Uma foi a presidente Dilma, tentando por ordem na bagunça política, mostrando com personalidade, ser mais que a sombra do mentor Lula. E sabe quem é a outra brasileira na lista? Ela mesma, linda, loura e rica, Gisele Bündchen, a moça da calcinha Hope.




E aí, concordam, discordam?


Beijos, Júnior Bueno

10 comentários:

  1. Junior, que ponto de vista fantastico, principalmente vindo do sexo oposto!!!!
    Acho o comercial HI-LÁ-RIO, pois é o que realmente acontece, mais imagino que a raiva das feministas são do corpitcho da Gigi!! Fala sério, ela é minha ídala!! haha
    E concordo com você, se os homens que estão sendo chamados de bobo, não falaram nada, pq as mulheres reclamam?? Para mim é dor de cotovelo!

    Beijos, e parabéns pelo texto!

    ResponderExcluir
  2. E eu que nem sabia desse BAPHOOOO!
    Ótimo texto Ju! Atualmente tudo está sendo censurado no Brasil! País hipócrita! Até a abertura da antiga novela das 6 e atual VPVDN sofreu censura. Se formos listar as censuras atuais, vamos longe!
    Com o passar dos anos isso está piorando. Uma pena!

    ResponderExcluir
  3. Junior eu amei seu ponto de vista sobre essa confusão idiota.

    Eu sou mulher, sou feminista e sabe o que eu vejo na propaganda?
    Que nós temos um trunfo nas mangas, porque além de estar conquistando patamares cada vez maiores na sociedade SEMPRE teremos o trunfo de sermos o objeto de desejo alheio.

    Adorei!

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Gisele é Gisele e ela causa onde quer que esteja, na passarela, na tv, no cinema!
    rs

    Concordo com o texto sim Júnior!

    Ótimas observações!

    ResponderExcluir
  5. Qual mulher nunca jogou charme pra conseguir alguma coisa com o namorado/marido?! Eu de vez em qdo faço isso, que culpa nós mulheres temos que os homens caem!! hahaha!!!
    Dei mta risada do comercial e, como mulher, não me senti nem um pouco ofendida!
    O mundo está ficando politicamente correto demais!

    ResponderExcluir
  6. Eu curti curti curti!
    O texto, o comercial!! hahahah
    Parabéns!
    O POLITICAMENTE INCORRETO da cor a vida!!!
    Viva!

    ResponderExcluir
  7. Ah, Júnior... seu texto tá muito bem escrito, mas sou a minoria aq na discordância. risos... E como vc perguntou, n preciso me desculpar, né?kkkkk... A questão não é se incomodar pq Gisele tá de roupa íntima. Nhá! A mulher é linda, toda sarada, mesmo sem um pouco da sua cintura (vamos combinar, né?!risos), mas LINDA DE VIVER! Não, a questão é as mensagens sublimares por trás do texto, q são mais ou menos assim: "homem é idiota, meninas! por mais grave q seja a notícia, n resistem a um par de pernas, peitos e bunda!", "mulher n tem capacidade de argumentar, pq já tem o corpo. use-o!", "faça seu homem de besta: quebre ele e tire a roupa pra se safar!" e coisas do tipo. Resumindo: "mulheres, usem o corpo para fazer seus homens de otários, como eles são!". Então, nem de longe se trata de ser desagradável, mas sim da mensagem ser! Mesmo pq, o Brasil, o mundo ainda explora o corpo feminino na tentativa de perpetuar o estereótipo de que mulher é objeto e submissa ao homem, com raízes no machismo. E TODAS sabemos o quanto é difícil a conquista de espaço q, nem de longe, está garantido em muitos aspectos pq temos uma PresidentA nesse país.
    E olha q quem escreve cá é uma loira, magra, branca e, sem falsa modéstia, com um corpo invejável vindo de uma gravidez com sobrepeso de mais de 20kg, tendo perdido depois 22kg e ainda com direito a amamentação pro mais de 6 meses com, HJ, ainda tudo no lugar!risos... Mas, q prefere ZILHÕES DE VEZES garantir meu espaço, conquistar oq for através da minha inteligência e de meus esforços frutos dela do q através do corpo. Os joguinhos eróticos, pauta q foi, equivocadamente, explorada no comercial eu deixo para outros fins e, diga-se de passagem, de modo beeeeeem mais apimentado até!kkkk... Mas jamais pra me safar de qualquer mancada q eu venha a dar. Mesmo pq, HOMEM q eu escolho NÃO é objeto, tb!

    Deu pra entender meu ponto de vista, né amado? (espero q sim)

    Beijos e sucesso!

    ResponderExcluir
  8. Sejamos mais "Trident", vamos rir mais da vida, gente! Rssss. Concordo com vc, Jr. SÓ LEMBRANDO POVO: TRATA-SE DE UMA PROPAGANDA!!!
    Logo, logo, estaremos mais uma vez discutindo sobre o "pacto da Xuxa, sobre o Disco do Raul ao contrário; ou que a maçã da Apple é a maçã mordida por Adão, sendo assim, "o pecado original". Afff!!!
    Ah, presidente no feminino pode ser tanto a presidente quanto a presidenta...
    Como diriam os Titãs "A televisão nos deixou burros"; esquecemos o que é ironia... #FATO

    ResponderExcluir
  9. Olha, seria só mais um texto, se nao fossem vocês aqui fazendo eco ao texto. Lindas,(este comentário é para as mulheres que deram o ar da graça aqui neste espaço) cada mulher tem o seu valor e seu espaço, todas as mulheres que lutaram antes, acredito eu, lutaram por LIBERDADE. A liberdade de pensar e decidir por si mesmas, de conquistar espaços antes predominantemente masculinos, de estar em condições de igualdade com o sexo oposto, de se livrar da opressão machista, de não aceitar apanhar calada. Mas junto com isso veio também a LIBERDADE de não querer nada disso, de ter um corpão e usá-lo como arma de sedução e de só um pedaço de filé na vitrine do açougue se quiserem. Isso não as faz menos ou mais mulheres que por exemplo a presidente Dilma (desculpa povo do PT, mas ainda não consigo escrever presidentA).

    Não sou machista, nem feminista, mas se tiver que optar, vou pela segunda opção, até porque se deus existir ele deve ser uma mulher. E sei o quanto é caro para quem luta pelos direitos das mulheres o combate a esses estereótipos, mas acho que esse patrulhamento tá deixando o mundo mais sem graça. E sou contra, abomino mesmo qualquer tipo de censura, porque isso cria um precedente para futuros abusos desse recursos
    Falei um bocado, mas acho que dei meu recado. Obrigado pela visita, povo, vocês me deixam muito feliz.

    ResponderExcluir
  10. "Eita, nóis!"

    polêmica no cabide, hein Seu Júnior?! o Fábio e a Laís devem tar adorando, rsrsrs... excelente post!

    e sou da mesma ideia da Paulinha... acho que meu lado feminino grita nessas horas, rs!

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...