sábado, 26 de maio de 2012

O Plural Mauricio Machado está de Volta


Por Rodrigo Ferraz


Mauricio Machado já foi nosso profile (veja aqui), e agora está reestreando seu grande sucesso: Solidão, a Comédia! Uma comédia do gênero Besteirol deliciosa, mas pra quem acha que Besteirol é só Besteira, é porque não conhece os textos do Vicente Pereira, esse que o diga... Solidão, como já diz o nome é uma peça que fala sobre a mesma, então não deixa de ser dramática!
Mauricio se multiplica muito bem em vários... Abaixo Mauricio concede mais uma entrevista a nós, dessa vez focada na peça, borá conferir??

1-) É uma responsabilidade montar um grande classico da comédia brasileira não? Você chegou a ver outra versão da peça??
Sim é um enorme  responsa. Mas para mim só vale a pena se tiver desafios e quanto maior a complexidade, mas legal prá mim é. Dá trabalho? Sim dá! E muito. Custa altas doses de ansiedade, angústia  ... mas depois de pronto e aprovado pelo publico o prazer é dobrado.
Assisti sim as duas outras montagens anteriores. Vicente escreveu esse texto para ele mesmo fazer, e na ocasião em 1990 teve direção de Jorge Fernando,  desde então nunca mais me esqueci da peça. 3 anos depois Diogo Vilela remontou com direção do Marcus Alvisi e por 4 anos  fez a peça. Minha montagem é a terceira e fiquei profundamente feliz que a família do Vicente tenha me permitido fazer. Uma honra.

Mauricio Machado e Claudio Tovar, diretor da peça
2-) Qual dos personagens foi mais dificil de compar? Alguma inspiração?
São 5 personagens e cada personagem teve seu grau de complexidade. Até porque são completamente distintos entre si. Mas as personagens femininas foram as mais difíceis, primeiro por motivos óbvios e segundo por serem 3, não podia e não queria deixar vestígios de nenhuma delas entre si. Mas a que mais me custou foi a Solange, a prostituta.

3-) Como foi dirigido pelo genio e eterno Dzi Croquette: Claudio Tovar?
Foi espetacular. O Claudio foi um grande companheiro. Não poderia ter tido uma escolha mais perfeita,  e cumplice tb porque como é ator ... entendia perfeitamente cada etapa do processo de ensaio a que vivenciava, as duvidas, questionamentos e meus sofrimentos. Ele tornou o processo  árduo e duro de um monólogo (para mim claro !) leve e saboroso. Além de carinhoso comigo, ele foi extremamente carinhoso com o projeto, com o espetáculo, como não seria diferente de se esperar de um artista como ele. Tovar é um dos grandes exemplos de artista com letra maiúscula dessse país. Um grande ator, figurinista, cenógrafo, coreógrafo e diretor  (!!) Daquelas pessoas que nasceram para isso e com essa missão !! Alguém conhece outro Tovar? rsrs.
Além disso, a identidade dele com a peça era enorme já que foi grande amigo do Vicente Pereira e sem duvida ... os Dzi Corquettes foram os precursores do anarquismo teatral e do chamado teatro besteirol! E a primeira peça que levou o cunho de ‘besteirol’ por um crítico carioca, lá estava  Claudio Tovar. Só elogios, honra e satisfação !
Espero possamos trabalhar muito ainda, e adoraria fazer uma peça com ele no elenco.


4-) Alguma novidade pós a temporada? Teatro, Cinema,Tv?? Conta com exclusividade pra galera d'O Cabide que te adora...
Bom estou com vários planos  (e  sonhos tb) ... nem dá para falar todos. Vai que alguém vai e faz!! rsrs. Mas quero muito ainda fazer este meu monólogo por muito tempo . Tenho o Brasil todo para apresentá-lo, e espero que esta peça seja sempre meu repertório e que tenha outras também. Em Julho farei a segunda temporada popular  provavelmente de ‘Solidão ... no Rio. Além disso  Nívea Stelmann e eu estamos buscando um texto juntos para voltarmos a atuar juntos,  hoje recebi um convite para atuar em ‘A Gaivota’  de tchekhov no Rio, tem um projeto de um infantil que quero muito fazer, algo bem diferente e bem fora do convencional  (mas isso é sonho !) e tem um projeto em que vou fazer com o diretor Ulysses Cruz em 2014.

Vai perder? 
Solidão – A Comédia
Data: 25 de maio a 1º de julho
Horário: sextas-feiras e sábados, às 20h; domingos, às 19h
Local: Teatro Zanoni Ferrite
Endereço: Av. Renata, 163, Vila Formosa
Telefone: 2216-1520
Preço: R$ 10 
Leitores que comentar que soube da pela pelo Cabide, pagam R$ 5, aproveitem!
DRoPS (Último dia das peças...)
~> A MECÂNICA DAS BORBOLETAS – com Eriberto Leão, Otto Jr, Suzana Faíni e Ana Kutner. Em cartaz no Teatro Anchieta – Sesc Consolação. 18h, Ingressos de R$8 à R$32!
~> MARLENE DIETRICH – AS PERNAS DO SÉCULO – com Sylvia Bandeira e elenco, em cartaz no Teatro Nair Bello.18h, Ingressos de R$30 à R$60!
~> UMA MULHER DO OUTRO MUNDO -  com Adriane Galisteu, Lúcia Veríssimo, Jairo Mattos, Yara Jamra, Dani Mustafci e Márcio de Luca. Em cartaz no Teatro das Artes. 19h, Ingressos de R$35 à R$70!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...