quarta-feira, 22 de agosto de 2012

POST VIP: Com vocês Nelson Rodrigues


Por André Grecco

André Grecco é daqueles profissionais completos na área! De professor a ator, no momento dirige no teatro um texto de Nelson Rodrigues (mais informações no fim do post). 
Ano passado deu um curso especializado em “Beijo no Asfalto” com a atriz Lúcia Veríssimo. Dando seqüência as comemorações do centenário ele nos conta nas próximas linhas um pouco mais do homenageado em nosso especial.  Vamos conferir?



Nelson Rodrigues. O autor que em 1943 revolucionou os palcos brasileiros com Vestido de Noiva completaria neste 23 de agosto 100 anos.

E este menino que olhava pelo buraco da fechadura descreveu seu país como poucos. Denunciou a hipocrisia enraizada na cultura da família brasileira do seu tempo e que se vê arrastada pelos anos até hoje nas bases morais dos meninos de agora que nem sempre têm a lucidez dos que olham pelos buracos das fechaduras...

Seus personagens não são, eles querem. Nelson os coloca na ária, no limite, à beira de um abismo. Tudo o que se diz é muito perigoso e muitos deles não se importam mais em dizer porque já saltaram do trampolim sem rede de segurança num último gesto desesperado. O autor explora o estado psíquico de seus personagens fazendo do palco uma pintura expressionista.

Cena da peça "Viúva, Porém Honesta"
Costumo dizer que em duas situações temos a plena compreensão da experiência de estarmos vivos, no amor e na morte. São nessas ocasiões que sentimos a vida se dilatar e de maneira radical somos tirados dos compromissos diários para nos colocar num tempo mítico, onde o sentir está em primeiro plano. Na dramaturgia de Nelson, este parece ser o "super-objetivo". A vida, olhada pelo buraco da fechadura, nos assusta. Mas não é nada mais do que ela própria, como ela é. E entre as trágicas quatro paredes do âmbito familiar se apresenta, pela ótica de Nelson, nua e crua.

Nelson é como Shakespeare. Seu tema é o Homem. A alma humana. E por isso ele é imortal. Pode a família ser uma instituição em crise (e toda a sua obra olha pra dentro da casa dos vizinhos e de dentro de sua própria casa ele olha para as ruas cariocas), mas o Homem que Nelson explora transborda pelas portas e janelas e atravessa os tempos. Este Homem, falho, não falha nunca...

O "anjo pornográfico" é um explorador do oceano desconhecido que é a mente humana.

Cena da peça "Viúva, Porém Honesta"
Serviço:
"Viúva, Porém Honesta"
de Nelson Rodrigues
direção de André Grecco
Todas as quintas de agosto/2012 às 21hs.
Teatro Sílvio Romero.
Rua Coelho Lisboa, 334. Tatuapé.
Telefone: (11) 20932464

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...