quarta-feira, 26 de junho de 2013

Realismo fantástico é o grande atrativo de "Saramandaia"



Os personagens de Saramandaia fazem coisas que ninguém acredita! (Foto: Saramandaia/TV Globo)

Estreou na última segunda-feira, dia 24, a nova novela das 23 horas, Saramandaia, que é a releitura de um clássico da obra de Dias Gomes feita por Ricardo Linhares. Exibida originalmente em 1976, às 22 horas, em uma época de censura, Saramandaia se tornou um marco de nossa teledramaturgia graças ao seu realismo fantástico, com o qual o autor, fazia uma crítica à ditadura militar da época. A expectativa para estréia desta nova versão era grande, não só por se tratar de um clássico, mas também pela curiosidade em ver como seria usado este recurso, agora em que se avançou muito em termos de efeitos especiais.

Ricardo fez mudanças significativas na trama, inserindo novos conflitos e personagens, sem perder a essência da trama de Dias. Se antes o conflito se baseava na guerra entre mudancistas x tradicionalistas, na Saramandaia atual, a trama é centralizada na briga entre as famílias Rosado e Villar, briga essa que já vem de gerações passadas. No meio do fogo cruzado está o amor proibido entre Vitória Villar (Lília Cabral) e Zico Rosado (José Mayer). A briga pela mudança do nome da cidade de Bole-Bole para Saramandaia se mantém nesta versão, que nesse caso se confunde com a briga entre as famílias.  A novela ainda apresenta um contexto político – Com direito a manifestações dos saramandistas, crítica a corrupção e etc. – com o qual se é possível traçar um paralelo com o período atual do Brasil. Tudo isso recheado com os absurdos que marcaram a primeira versão: Homem que põe formiga pelo nariz, o outro que vira lobisomem, a menina que pega fogo quando está excitada, gente que ressuscita e põe o coração pela boca literalmente, o rapaz de asas, dentre outras bizarrices.

Esses dois têm muita coisa para acertar (Foto: TV Globo/Saramandaia)

Com dois capítulos exibidos, pode-se dizer que o que a trama tem de mais atraente, é justamente o que ela tem de mais absurda, ou seja, as esquisitices do povo de Bole-Bole/Saramandaia, e a grande preocupação neste início, foi justamente apresentar estes tipos fantasiosos e surreais. Soma-se a isso uma estética bem cuidada, com belas imagens, um universo colorido, uma perfeita caracterização dos personagens curiosos, boas interpretações e eficazes efeitos especiais. Os diálogos, recheados com um vocabulário peculiar, onde se tem palavras inusitadas como: apaixonamento, hipocrisismo, desmorrer, mexericância, admirância e etc. No entanto, na opinião deste que vos escreve, como mero telespectador, Saramandaia ainda não conseguiu superar as expectativas.

Saramandaia ficou devendo em alguns pontos, na direção, por exemplo, que é bastante comum para os padrões atuais, em que se obtiveram vários avanços e inovações. Sem a realidade fantástica da história, sobra uma trama pouco envolvente e sem nenhuma inovação relevante, talvez por esta história de briga entre famílias soar um pouco datada, além disso, o surrealismo poderia ter sido inserido com um pouco mais de sutileza, e tratado com um humor mais eschachado, como uma boa farsa, por enquanto tudo parece ainda muito sério. Diante disso, penso que Saramanda tem tudo para ser uma novela feita de personagens com bons diálogos e só, porque história e situações mesmo, ainda não empolgaram.

Redonda se preocupa pela perda de 200 gramas (Foto: TV Globo/Saramandaia)

De qualquer forma, Saramandaia está muito no início, e isso são só primeiras impressões, é cedo para se formar uma opinião mais contundente. A audiência ficou atrás das antecessoras no horário, marcando média de 27 pontos na estréia (em que o capítulo é colado com a novela das 9) e de 18 no segundo capítulo. Nas redes sociais, a repercussão tem sido positiva, parece ter empolgado os internautas. O saldo deste pontapé inicial, apesar de tudo, é positivo, a novela chama a atenção e tem bons ingredientes para garantir um bom entretenimento pelos próximos meses, resta esperar para ver como as coisas vão se seguir. Termino perguntando a opinião de vocês, leitores do cabide, Saramandaia superou ou não as expectativas? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...