terça-feira, 23 de dezembro de 2014

HO-HO-HO! O Natal chegou!


E chegou o Natal. Neste momento, sempre buscamos uma reflexão interior sobre nossas vidas e sobre tudo o que aconteceu no ano que vai terminando. Lembramos dos parentes e amigos queridos que já se foram; das vitórias e das derrotas sofridas; das alegrias ao lado dos amigos; dos erros que cometemos e procuramos fazer um “balanço geral” de nós mesmos.

Isso é muito bom porque nos dá oportunidade para rever conceitos, reparar danos, recuperar amizades que tornamos distantes ou falar com aqueles a quem não vemos faz tempo.

O Natal é a época que teima em nos amostrar que, por pior que seja o ser humano, há mesmo espaço para a nobreza; para a beleza; para o amor ao próximo e para a bondade em nossas vidas. A mensagem do Natal é expor justamente as nossas desculpas esfarrapadas, os nossos artifícios para não cometer atos de bondade ou cordialidade e mesmo nossa cara-de-pau de dar, a todas as nossas demonstrações de má vontade, o nome de “falta de tempo”.

Por isso, desejo a cada leitor, colunista, colaborador e a cada amigo do Cabide,  um Natal repleto de grandes emoções; lembranças especiais; quitutes esperados ansiosamente; sorrisos brilhantes e sinceros; mesa farta e coloridas; presentes interessantes e instigantes; olhares mágicos e tudo mais que a imaginação puder transformar em realidade.

Mesmo que assim não seja. O seu Natal pode ser tudo o que você quiser. Por mais só e triste que você pareça estar; lembre-se que logo ali há uma legião de amigos que você nunca viu, mas que torcem por você. Lembre-se que a luz – assim como a beleza – está nos olhos de quem se permite vê-la. Lembre-se que exista ou não um Deus; você é o ser humano mais importante do mundo para alguém em algum lugar. Mesmo que ainda ambos não saibam disso.


FELIZ NATAL!

Fábio Dias



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...