quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

A Regra do Jogo - Uma Novela Atual‏

Por Rodrigo Ferraz 


Quando a novela das 21h atual começou exclamei: Que novela difícil, eba! Novela cabeçuda, com uma história central forte e sem muito apelo popular. O brasileiro acostumado a se ver retratado em novelas, poucas vezes viu uma trama tão de verdade. O mais complicado nisso é que é verdade, mas uma verdade pouco falada, muito camuflada.


Giovanna Antonelli e Cassia Kis foram os primeiros destaques dos capítulos iniciais, grandes atuações e seguras, Atena e Djanira são papéis marcantes pra carreira delas. Vivendo personagens antagônicas com o Romero as ligando, um amor estranho que cada uma sente pelo protagonista vivido com brilhantismo por Alexandre Nero. A facção é um dos principais núcleos, muito comum em novelas de Lauro Cesar Muniz, na novela de João Emanuel Carneiro foi um tiro certeiro também, apesar de pra muitos não ter sido empolgante. A trama demorou pra se revelar quem era o líder dela e porque ela existia, pois bem se revelou.

Gibson é o responsável, papel do sempre muito bom José de Abreu. Muito bem escalado, o ator está muito bem e os motivos que seu personagem alega são muito pertinentes, ainda mais pros dias de hoje em que muitos lutam por justiça com as próprias mãos, é certo isso? Qual é a regra do jogo??


A Regra do Jogo é uma novela bem atual, e como atual usa e abusa de referencias. Há alguns anos Deborah Evelyn fez a ótima peça: A Hora Amarela, Kiki seu atual papel na trama de Carneiro tem uma pegada parecida, e a concepção da direção também se assemelha a da peça que fora dirigida por Monique Gardenberg, e desde quando isso é ruim? Deborah está fazendo um dos seus grandes papéis. Falando em direção Amora Mautner foi muito feliz na concepção da sua novela, a caixa cênica funciona sim, deixando o ator mais a vontade, as cenas gravadas em modo "arena" deixa o ator com uma expressão corporal mais vistosa.


Voltando a falar de referencias, Amora mesmo usa uma referencia dela, Avenida Brasil no núcleo de Feliciano e sua Grande Família. Marcos Caruso lidera um time com bons atores que falam alto, se cortam como era a família do mesmo ator na novela de Tufão e Carminha, é engraçado, é quase um besteirol, mas tem cargas emotivas nesse núcleo. Outra referencia forte é Nora, Renata Sorrah outra atriz que ganhou um bom papel como disse a personagem chama Nora, como apaixonado por teatro que sou, não teve como não lembrar da protagonista de Casa de Boneca de Ibsen, e a história de sua personagem é parecida, afinal é uma mulher que vive um casamento aparentemente feliz, mas ela não deixa de questiona-lo, até um dia ela se rebela, como tudo indica que em breve acontecerá...


A Regra do Jogo não é um fenômeno de audiência, mas não é um fracasso como muito se falou, ainda mais se você comparar que a trama concorreu com o maior sucesso de audiência da Record, numa novela que não tinha nada de atual. 


***

Sobre o autor


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...