terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Um encontro com o professor Daniel Vícola

Por Rodrigo Ferraz


Daniel Vícola é professor e youtuber, no entanto, uma coisa não anula a outra e somando as duas transforma o seu canal em um projeto promissor, já que ele tem seu público. O canal para quem quiser conhecer é só clicar aqui:  https://www.youtube.com/user/danvicola . O Ponto D Encontro é o lugar certo para te estimular a estudar e conhecer mais da nossa língua. Curioso em saber mais do Daniel, mandei essas perguntas e ele respondeu de forma muito completa, Vamos à entrevista?

De onde nasceu a ideia do canal?
Oi, Ro. Tudo bem? Primeiro, permita-me agradecê-lo pelo convite para a entrevista no Cabide! É uma honra figurar entre os seus convidados! O canal nasceu como um desdobramento natural da minha atividade profissional nos últimos anos. Trabalho com EAD desde 2008, quando me mudei para São Paulo e, desde 2014, minhas aulas foram parar no YouTube, alcançando, afortunadamente, uma aceitação enorme e um número incrível de visualizações. Mas essas aulas de 2014 não são minhas, elas pertencem ao Instituto para o qual eu trabalhava. Agora estou num momento totalmente novo: já tenho o meu público, quero oferecer o melhor para ele. Minha relação com a educação é coisa séria. O que me move é muito sério: um compromisso de honra de levar às pessoas uma educação de qualidade, de forma gratuita, por meio da internet. Nesses anos todos, recebi muitos depoimentos – do Brasil e do exterior! – de pessoas que me escrevem dizendo “Olha, aprendi português com você!”, “Passei em três concursos por sua causa!”, “Você me fez acreditar que eu conseguiria!”, isso tudo é muito bom. Recebo um sentimento honesto de gratidão e o carinho dessas pessoas. Não sou professor ou youtuber por dinheiro – nenhuma dessas duas coisas dá dinheiro quando você é um EDUCADOR porque suas prioridades são outras. Mas, neste momento, depois de tantos danos e perdas, só tenho uma coisa em mente: construir o meu Canal e garantir, por tempo indeterminado, o acesso de meus alunos às minhas aulas. Fazer com que todas essas pessoas possam ter certeza de que, em meu Canal, eles NUNCA vão perder o acesso a essas aulas. Dessa minha vontade e do meu compromisso com a educação nasceu o “Ponto D encontro”, o meu Canal Oficial no Youtube, um espaço de democratização do acesso à educação de qualidade, num país tão carente dela!

O que você mais abordará no canal?
O Canal é voltado, principalmente, para a questão da educação. Minha preocupação maior será a de captar patrocinadores para promover meus cursos, minhas videoaulas, meu material voltado para gramática, literatura e produção de texto. Mas vai ter outras coisas, também! Eu falo muito sobre MOTIVAÇÃO. Acho que as pessoas que estudam sozinhas, em suas casas, pelo computador, precisam sentir que há outro SER HUMANO do outro lado da tela. Elas não querem assistir a um “robô” ou coisa que o valha. Falo olhando nos olhos, quero que se sintam confortáveis com a minha presença. Gosto de falar sobre vida, sobre sonhos, sobre o que é realmente essencial para a alma humana. Então há e haverá muito disso no meu Canal. Além das aulas e cursos, quero falar sobre coisas de que eu gosto. Tudo que humaniza é mais do que bem-vindo!

Você valoriza muito a nostalgia, terá isso no canal também?
Opa! Também! Eu até publiquei umas propagandas antigas outro dia, porque sou apaixonado por coisas retro! Se você prestar atenção no “cenário” onde gravo meus vídeos – na verdade, um cantinho do meu escritório, aqui em casa! – vai encontrar vários elementos de cultura pop retro: o Snoopy, a Lulu e o Bolinha, o Darth Vader (todo mundo quer o meu Darth Vader! Já recebi até propostas de compra! Hahahaha), a Feiticeira de Grasykull, a Mafalda, cubos mágicos, enfim, meu universo é muito esse! Não dá pra não falar! Vou te contar um sonho engraçado: queria que a Xuxa assistisse a um dos meus vídeos e me convidasse pra ir ao programa dela! Hahahahaha! Primeiro professor youtuber que foi “baixinho”! Hahahaha. Não custa sonhar, né? “Tudo pode ser...”

Ser professor de português num país que não se valoriza a leitura e a nossa língua é uma tarefa árdua, não?
Nossa, Ro. Bota “árdua” nisso! É um leão por dia! Mas eu brinco de dizer que até por isso sou “Daniel”: vivo na cova dos leões! Sabe o que mais machuca? Sentir na pele o quanto a atuação do professor é menosprezada em nossa sociedade. Falam até que somos “privilegiados”, para a minha mais absoluta indignação! Minha gente, o trabalho do professor, hoje, além de desvalorizado, ficou indefinido: somos professores, mas também somos psicólogos, orientadores vocacionais, confidentes, pais, irmãos mais velhos, terapeutas, uma infinidade de papéis que vão se acumulando porque a família abriu mão de muitas dessas responsabilidades, jogando-as sobre nossas costas! Eu não consigo desvincular o meu papel profissional da relação humana que se estabelece entre educadores e educandos, mas se o professor for o “amigo”, pode acabar deixando de exercer as funções de “professor”, o que seria igualmente lamentável. Nossos jovens são carentes e, muitas vezes, sem parâmetros para muitas coisas. E são rebeldes porque esta é a forma que encontraram de chamar a atenção de seus responsáveis. Gosto de uma frase do Contardo Caligaris que diz: “Entre a criança que já foi e o adulto que não chega, o espelho da adolescência é frequentemente vazio.” É a mais pura verdade! O adolescente não sabe quem ele é e está à procura de si mesmo. O professor tem um papel importante nesta busca: ele é exemplo, parâmetro, juiz. Mas vou dizer uma coisa: mesmo com todas as dificuldades inerentes à minha profissão, não saberia fazer outra coisa. A formação global do indivíduo, do cidadão, do ser humano, é algo que me fascina. Precisamos de professores capazes de encantar os aprendizes e virar o jogo contra a ignorância coletiva que impera neste nosso país.

Conte momentos marcantes da sua vida como professor...
Puxa vida, são tantos! Se você visitar meu Canal, minha página no Face (Gramática Aplicada – Daniel Vícola), meu próprio perfil, vai ver o quanto recebo de recadinhos e depoimentos de meus “alumigos” (alunos + amigos). Tudo me emociona muito – sou muito à flor da pele, muito “chorão”! Muitas vezes, de madrugada, recebo mensagens inbox de pessoas que me contam suas histórias com as minhas aulas e começo a chorar. Vou citar exemplos: certa vez recebi um e-mail de um rapaz cego, que disse ter aprendido português com as minhas aulas porque eu sou muito descritivo em meus vídeos, então ele conseguia, do jeito dele, “enxergar” tudo o que eu dizia. Chorei horrores com essa mensagem! Os africanos constantemente me comovem: escrevem-me dizendo sobre sua realidade, que sou a porta de acesso deles à língua portuguesa, isso me deixa profundamente emocionado e grato. Minha mais nova amiga é uma linda jovem russa, Maria Molchanova, que ensina português lá na Rússia e tem um enorme interesse pelo nosso país, nossa língua, nossa cultura! Não é o máximo? Eu fico pensando: a internet me coloca em contato com pessoas com quem, fisicamente, talvez eu nunca pudesse estar! E o que nos une é a mesma coisa: o interesse pela educação, pela língua portuguesa, o que torna tudo isso simplesmente mágico! 

Você desenha muito bem também, já pensou em usar isso?
Sim, um dia quero ilustrar minhas próprias aulas! Mas vai ser preciso aprender a como fazer isso no computador – sabe como é, sou “das antigas”: quando desenho, é no papel, com lápis de cor, canetinha, giz de cera... Um dia você vai ver lá, nos meus vídeos: ilustrador – Daniel Vícola. Rs. Será mais um sonho realizado, com certeza!

E a sua gramática, ela está em vias de ser lançada? O que ela terá de diferente das outras?
Ah, este é mais um sonho. A gramática está quase pronta! Ela nasceu da transformação do meu curso completo de Língua Portuguesa no YouTube em livro, material de apoio que os alunos sempre me pediram. Trabalhei metade deste ano nela, porque havia uma parceria que me garantia o lançamento dela para dezembro deste ano. Infelizmente, por motivos totalmente alheios à minha vontade, a parceria se desfez. Fiquei com o livro nas mãos, mas, agora, sem data de lançamento. Tenho muitos alunos me perguntando sobre a Gramática e, com muita tristeza, tenho de lhes responder que o projeto vai demorar um pouco mais. Mas vou aproveitar seu público para dizer: Editoras, por favor, manifestem-se! Rs. Tenho dois projetos lindos para 2017: o curso “Português para todos”, no YouTube, um curso completo de língua portuguesa que, agora, irá abarcar também literatura e produção de texto, conteúdos que nunca gravei para o YouTube e que estou louco para gravar! Quero tratar um pouco sobre cultura e literatura porque há muitos estrangeiros que me acompanham e que querem saber mais sobre o Brasil! É quase que uma dívida minha para com eles. E quero mostrar o que temos de bom, também! O outro projeto é justamente o livro, que terá como diferencial um jeito todo lúdico e leve de tratar assuntos “pesados” como ANÁLISE SINTÁTICA! Quero que as pessoas tenham em mãos um material para ENTENDER língua portuguesa, não apenas estudá-la ou decorar algumas nomenclaturas. Minha gramática irá mostrar pras pessoas que é possível SENTIR PRAZER conhecendo um pouco mais do nosso idioma e das suas possibilidades. Sempre me pautei nisso: educação que FAZ A DIFERENÇA, é educação que FAZ SENTIDO na vida das pessoas! É a perspectiva que quero levar a todos. É meu compromisso com a nossa sociedade.


Para entrar em contato com o Daniel,segue os links:
Canal Oficial no YouTube: https://www.youtube.com/user/danvicola






***
Sobre o autor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...