segunda-feira, 9 de maio de 2016

Um novo Encontro com Encontro das Águas

Por Rodrigo Ferraz 


Depois de Alberto Guzik e Luiz Valcazaraz, chegou a vez de Leonardo Miggiorin dirigir "Encontro das Águas" de Sergio Roveri! E o que mais chamou minha atenção foi a direção, já que já conhecia o texto... Essa encenação tem um ineditismo, pela primeira vez a peça feita para dois atores é encenada com um ator e uma atriz, apesar da atriz fazer o papel de homem.


Patricia Vilela que faz Apolônio, o mendigo filosofo e faz com uma verdade que por alguns instantes você acredita que é um homem mesmo, e bendita hora que ela não está caricata, o ator João Feneirich surpreende e em cada cena é melhor, os dois tem uma expressividade corporal que merecem parabéns. O texto continua bom, bem bom. O cenário e os figurinos são os outros grandes destaques.


Mas o maior destaque é a direção de Miggiorin, criativa, ele aproveita o espaço do teatro podendo ter dois planos, fazendo parecer ainda mais a famosa ponte do texto, o engenhoso cenário faz os personagens terem mais ações do que simplesmente interpretar o texto. Vigoroso, o espetáculo vale apena ser visto, mesmo se você já conhece o texto!


Local: SP Escola de Teatro - Sede Roosevelt - Sala R8
Ingresso: R$ 40. 
Segunda e sábado: 21h.
Domingo: 20h.


***

Sobre o autor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...