quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Por que a atual temporada de Malhação ainda não caiu no gosto do público?

Por Edilson Lopes

No ar desde março a atual temporada de Malhação que recebeu o subtítulo de Vidas Brasileiras não tem o que comemorar. Apesar da audiência ainda não ser preocupante a temporada não caiu no gosto do público e constantemente é protagonista de críticas de especialistas em televisão. Sem contar as críticas instantâneas que a trama recebe nas redes sociais durante o seu horário de exibição. Mas com tantas críticas, afinal, qual o problema da novelinha?


Talvez seu maior problema seja suceder uma trama coesa e consistente como foi Malhação Viva a Diferença, Cao Hamburguer em sua primeira incursão nas novelas da Globo entregou um produto inteligente e caprichado que conquistou audiência, crítica e principalmente fãs. Mas os problemas de Vidas Brasileiras não param por aí. Pela primeira vez Malhação está sendo adaptada de uma obra estrangeira e talvez isso tenha feito o público cativo da emissora, responsável por tantas obras originais, ter torcido o nariz. Essa temporada também apresenta histórias curtas, com resolução em duas semanas, mas essa forma de dramaturgia não é novidade para o formato. Em 1995, em sua primeira temporada as histórias eram ainda mais curtas, começavam na segunda e tinham seu desfecho às sextas-feiras.


Entre todos esses fatores eu acredito que um dos maiores problemas da atual temporada é a falta de um bom arco dramático para os personagens, ou seja, apesar de terem uma história própria e características peculiares a cada trama os personagens mudam de personalidade a cada quinzena, simplesmente para fazer com que as situações propostas em cada historinha aconteça. Os personagens são super politizados e militantes de causas sociais em uma semana e na outra são capazes de agir de forma totalmente preconceituosa por exemplo. Não há coerência em suas personalidades, tanto nos personagens adolescentes, quanto nos personagens adultos.


Já percebe-se um movimento da emissora em mudar os rumos da novelinha. Novos personagens fixos foram inseridos na trama, mas será que só isso será suficiente para atrair o público. Nos resta pegar nosso baldinho de pipoca e acompanhar diariamente Malhação Vidas Brasileiras, nem que seja pra falar mal depois nas redes sociais.

***

Sobre o autor

 Edilson Lopes, administrador, capixaba, do signo de escorpião, confeiteiro e amante da televisão trabalhou por três anos na Rede Alternativa de TV em Linhares-ES onde comandou os programas Cozinha em Cena e Noite Alternativa. Segundo o próprio, o universo da televisão é uma das coisas mais fascinantes da vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação e presença! Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...